sábado, 6 de dezembro de 2014

Plantando e Colhendo.

Assim, em tudo, façam aos outros o que vocês querem que eles lhes façam; pois esta é a Lei e os Profetas". Mateus 7:12

Esses dias refletindo sobre atitude de cobrança que algumas pessoas tomam, como tentativa de causar dano ou inferir pesar no outrem, ao passo que esta atitude ao decorre resulta em dano e pesar na própria pessoa que a toma.
Assim surgiu uma parábola baseado nessa reflexão:

Uma professora, de 9 ano, em sala de aula, chamou a atenção de um aluno por seu comportamento rebelde, excepcional, em certo dia. Este aluno não gostando de ser confrontado pela professora por acreditar que ela não tinha o direito de falar, pois o constrangeu ao repreendê-lo. Com a tentativa de cobra a professora pelo que fizera, passou a reagir como atitude de cobrança: não fazia o exercício; conversar ainda mais com outros alunos desinteressado, que ante os evitava; gazeava e cabulava as aulas; passeava muito quando ia ao banheiro tudo isso na tentativa de causar dano ou inferir pesa a professora, porem ao decorre da continuidade de suas atitudes resultou em dano e pesar a ele próprio, porque foi reprovado em todas as matérias, assim não pode fazer a prova do Enem e nem ingressar na faculdade.

O Reino de Deus, e semelhante a esta parábola, quem tiver ouvidos ouça o que o Espirito diz a igreja.

Não se deixem enganar: de Deus não se zomba. Pois o que o homem semear, isso também colherá.
Quem semeia para a sua carne, da carne colherá destruição; mas quem semeia para o Espírito, do Espírito colherá a vida eterna.
E não nos cansemos de fazer o bem, pois no tempo próprio colheremos, se não desanimarmos.
Portanto, enquanto temos oportunidade, façamos o bem a todos, especialmente aos da família da fé.

Gálatas 6:7-10

Pr. Herbert Amorim